Pesquisar neste blog

Carregando...

sábado, 19 de novembro de 2011

A fome no mundo

Cerca de 800 milhões de pessoas, das quais 300 milhões de crianças, eram vítimas de fome crônica. Além disso, mais da metade das mortes de crianças menores de cindo anos podia ser atribuida á falta de alimentos ou á mmá nutrição, apesar de no mundo existirem recursos suficientes para satisfazer as necessidades alimentícias de toda humanidade.




O problema da fome  é mais patente nas áreas rurais, três de cada pobre vivem  no campo...







Driele Castro

Estrutura social

A estrutura social é o que define determinada sociadade. ela se constirui da relação entre os vários fatores : economicos, politicos, historicos, sociais, relidiosos, culturais que dão uma feição para cada sociedade. Uma das caracteristicas de uma sociedade é a sua estratificação, a maneira como os individuos são classificcados !


Os estamentos na sociedade medieval

É uma coletânes de leis , um corpo normativo redigido em Castela durante o reinado de Alfonso X.

A sociedade estamental

A sociedade está dividida em três ordens, a lei reconhece outras duas condições: a do nobre e a dos servos que não são regidas pela mesma lei. Os nobres são os guerreiros , os protetores das igrejas, defendem a todo o povom aos grandes da mesma forma que aos pequenos e ao mesmo tempo se protegem a eles mesmos. A outra classe de servos, esta a raça dos desgraçados não possui nada sem sofrimento.

                                         Lucas Buffone

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Influencia nas classes socias

Por influência de Karl Marx, a palavra ideologia tornou-se largamente utilizada nas ciências humanas de nossa época com o significado de sistema de idéias que elaboram uma "compreensão da realidade" para ocultar ou dissimular o domínio de um grupo sobre o outro.
Nesse sentido, a ideologia tem funções como a de preservar a dominação de classes apresentando uma explicação apaziguadora para as diferenças sociais. Seu objetivo é evitar o conflito aberto entre dominadores e dominados.
A ideologia é portanto uma forma de consciência, mas uma consciência parcial, ilusória e enganadora que se baseia na criação de conceitos e preconceitos como instrumentos de dominação.
Marx viveu o surgimento do capitalismo e da crise social gerada a partir daí. Sua proposta filosófica era entender as raízes da crise social.

                            Driele Castro

Karl Marx



A grande obra de Marx é O Capital, na qual trata de fazer uma extensa análise da sociedade capitalista. É predominantemente um livro de Economia Política, mas não só. Nesta obra monumental, Marx discorre desde a economia, até a sociedade, cultura, política, filosofia. É uma obra analítica, sintética, crítica, descritiva, científica, filosófica, etc. Uma obra de difícil leitura, ainda que suas categorias não tenha a ambiguidade especulativa própria da obra de Hegel, no entanto, uma linguagem pouco atraente e nem um pouco fácil.
               
                                                                  Lucas Buffone

POSIÇÕES SOCIAIS, STATUS E PAPÉIS

A posição social pode descrever os grupos sociais a que o indivíduo pertence, como também os níveis hierárquicos por eles ocupados, sob vários pontos de vista.

O prestígio não depende somente do status mas também do nível de propriedade e de renda, liderança, autoridade ou poder, nível de educação, cultura e sucesso profissional, relações de parentesco.

                         Driele Castro

Estratificação

Estratificação Social:

“É o processo no qual os indivíduos são desiguinados numa escala, uns nos escalões superiores e outros nos inferiores.”

A Desigualdade Social:
“Refere-se ao fato de que nos grupos sociais e sociedades, existem relações hierárquicas nas quais quem ocupa as posições superiores goza de vantagens ou privilégios em relação a quem ocupa as posições inferiores :(  

                                        Lucas Buffone

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Classes Sociais , segundo Marx

Segundo Karl Marx e vários outros pensadores como Ricardo e Proudhon, a Luta de Classes é a força motriz por trás das grandes revoluções na história. Ela teria começado com a criação da propriedade privada dos meios de produção. A partir daí, a sociedade passou a ser dividida entre proprietários (burguesia) e trabalhadores (proletariado),ou seja, possuidores dos meios de produção e possuidores unicamente de sua força de trabalho.
Na sociedade capitalista a burguesia se apodera da mercadoria produzida pela classe do proletariado, e ao produtor dessa mercadoria sobra apenas um salário que é pago de acordo apenas com o valor necessário para a sobrevivencia desse. Os trabalhadores são forçados a vender seu trabalho por uma fração mísera do real valor da mercadoria que produzem, enquanto os proprietários se apoderam do restante. Outra característica importante do capitalismo é o conceito criado por Karl Marx da mais-valia. A mais-valia consiste basicamente dessa porcentagem a mais que os capitalistas retiram da classe do proletariado. Essa porcentagem pode ser atingida, por exemplo, aumentando o tempo de trabalho dos operários e mantendo o salário.
A luta de classes, segundo Karl Marx, só acabará com a implantação do regime comunista, onde esse conflito não terá como existir pois não existirão mais classes sociais. Até os tempos atuais o comunismo ainda não foi posto em prática em nenhuma região do mundo, apesar do socialismo, que seria como uma fase de transição do capitalismo para o comunismo, já ter reinado em diversos países. A proposta mais radical é abolição do Estado e sua reorganização descentralizada em moldes federativos anarquistas.

Postador Por : Victor Marchesin